sexta-feira, 29 de julho de 2011

Um problema puxa outro.

A dona Dilma está com um problemão no Ministério dos Transportes e não é com os ratos miudos que ainda estão rodeando o queijo, é com os que virão em lugar dos que já saíram. Ela tem a necessidade de arranjar mais de 20 nomes que ao mesmo tempo sejam honestos e competentes e apadrinhados pelo PR que, segundo afirmam seus membros, continuará com o cofre a pasta. Se a faxina veio a conta-gotas e demorou semanas, as nomeações poderão demorar meses. Pensa que é fácil? Combinar essas três substâncias (competência, honestidade e indicação do PR) é coisa de alquimista.

Nenhum comentário:

Postar um comentário