sexta-feira, 20 de agosto de 2010

Combate às drogas. Uma questão realmente de Estado.

Penso que o candidato José Serra marcou ponto em seu programa de ontem ao abordar a questão das drogas, em especial o crack. Se os dados estão certos, os usuários no Brasil já alcançaram a casa de um milhão de pessoas. É muita gente se matando no consumo e no tráfico de drogas que são produzidas nos países vizinhos, principalmente Colômbia e Bolívia.

Ao invés de despolitizar a campanha eleitoral numa espécie de concorrência para ver quem pode ser a mãe ou o pai do brasileiro, os candidatos deveriam se concentrar em temas como este. Identificar o problema, dimensioná-lo, estudar suas causas, seu ciclo e suas consequências para propor medidas de enfrentamento é que dá razão ao discurso político. A questão das drogas é sim uma questão de Estado, portanto, alvo legítimo de uma campanha presidencial. Infelizmente, para variar, o que mais repercutiu na imprensa hoje foi o segundo gasto com a aparição do Lula no programa do Serra como recurso de marketing. É o Brasil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário