terça-feira, 9 de agosto de 2011

Religião do aquecimento global antropogênico perde fiéis nos paises desenvolvidos.

Recente pesquisa do Gallup em 111 países encontrou que 35% da população mundial acredita que o aquecimento global tem causas humanas, 14% acham que as causas são naturais, 13 % acham que tanto o homem como a propria natureza causam o aquecimento global, 2% não quiseram responder e 36% não tem conhecimento de aquecimento global nenhum.

Nos paises desenvolvidos a crença no aquecimento global antropogênico está caindo. Menos 5% na Ásia desenvolvida, menos 6% na Europa Ocidental, menos 7% na Europa Oriental, menos 12% nos EUA, menos 3% no Norte e Centro-oeste da África. A religião AGA está crescendo na América Latina (6%), na África sub-saariana (8%) e na Ásia em desenvolvimento (5%).

A pesquisa apurou ainda que entre 2007 e 2010, das 10 regiões em que foi dividida a pesquisa, a credibilidade do aquecimento global antropogênico caiu em 5, estacionou em 2 e cresceu em apenas 3, justamente nos paises mais pobres e de menor nível educacional. Se não fosse a China e a Índia que representam sozinhas um terço da humanidade a queda seria significativa. Isto com a carga extremamente desigual de informações em favor da religião do Al Gore. Imagine se os cientistas tivessem na mídia o mesmo espaço que tem os crentes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário