sábado, 18 de junho de 2011

Alimentos orgânicos. A E. coli chama a ciência.

Ultimamente tenho dedicado uma dose extra de estudo no sentido de compreender a questão ambiental com foco na produção e consumo de alimentos orgânicos que vem crescendo a taxas muito elevadas nos últimos anos, principalmente na Europa, o que significa resposta eficiente da população à sinalização emitida pelas correntes que defendem o consumo de alimentos mais saudáveis. Com a recente contaminação de milhares de pessoas e morte de algumas dezenas pela bactéria E. coli na Alemanha, a partir de brotos de feijão cultivados em fazenda orgânica, o tema ganhou maior relevância. Agora não se trata apenas de promover os alimentos orgânicos em suas características nutricionais, mas de preservar a sua credibilidade como fornecedora de alimentos saudáveis.

É hora, pois, de ciência e paciência. No Portal IG tem um artigo simples e direto que nos ajuda a comprender a questão antes de sairmos por ai a pisotear plantações de alface orgânica.

Nenhum comentário:

Postar um comentário