sexta-feira, 12 de março de 2010

Racialismo - A "Escolha de Sofia", por Demóstenes Torres.

"Seria consolo moral aceitar a tese de que foram africanos os escravizados, quando na verdade os africanos escravizavam os seus iguais por razões econômicas, de beligerância e de manipulação religiosa. Devemos condenar o Brasil escravagista, mas não temos direito de culpar as atuais gerações.O propósito foi de retrucar a falácia do sequestro e de sustentar que a escravidão não foi inventada no Brasil, e que as cotas raciais, além de não resolverem ou minimizarem o problema, não podem ser consideradas uma ordem de pagamento para quitação de uma suposta dívida que os brasileiros de hoje teriam de honrar com 87% de descendentes que têm acima de 10% da ancestralidade africana no seu DNA. O grande problema dos racialistas é o de abastardar a miscigenação, pois temos também mais de 90% de brasileiros com ancestralidade europeia e mais de 60% com ancestralidade indígena. "

O texto acima é do Senador Demóstenes Torres publicado hoje no jornal "O Globo" em resposta aos farsantes e caluniadores que pretenderam desvirtuar suas palavras na audiência pública do STF. A íntegra pode ser lida AQUI.

Nenhum comentário:

Postar um comentário