segunda-feira, 22 de novembro de 2010

O mundo não acaba aqui.

Um pequeno lembrete a um delinquente moral:

Como disse o poeta Augusto dos Anjos em "Versos íntimos", o beijo, amigo, é a véspera do escarro, a mão que afaga é a mesma que apedreja.

Sorte que existe a Lei de Causa e Efeito que prefiro observar do ponto de vista espiritual. À toda ação moral correpondem efeitos morais semelhantes que retornam ao agente inicial. O melhor é que diferentemente da física, no campo das relações humanas e espirituais a reação nem precisa vir daquele que foi alvo da ação. Depois de realizada todo o cosmos conspira pelo retorno.

Ainda não é o fim.

Nenhum comentário:

Postar um comentário