segunda-feira, 18 de abril de 2011

deputado Paulo Teixeira - a prova irrefutável de que fumar faz mal à saúde.

Tem algo mais ecológico do que não fumar? Além de cuidar da própria saúde, o não-fumante ainda diminui a fumaça que vai pro céu. Cada vez que vejo um sujeito enfiando aquele tufo de fumaça na garganta e soltando pelas ventas penso comigo mesmo "sou um ecologista!". Vão dizer que não? Pois é, mas enquanto gente de bem e saudável tenta convencer as pessoas a parar de fumar o cigarro da Souza Cruz, incluindo mudanças severas na legislação, outros querem liberar o cigarrinho do demônio. Se acham antenados, progressistas e de esquerda (sic).

O deputado doidão Paulo Teixeira, líder do PT na Câmara dos Deputados, resolveu encampar a luta dos maconheiros. Vai convidar outros modernosos, gente como FHC e Sérgio Cabral para fortalecer o movimento, afinal é preciso dar ao tema uma cara de sobriedade, não dá pra ir pro debate com a turma do Bob Marley. O deputado paulista já antecipa algumas de suas posições a respeito. Vejamos:

A primeira delas é a liberação do uso. Quem quiser fumar que fume o quanto quiser, certamente em lugares abertos pois se já não suporto ser vítima passiva da Souza Cruz, muito menos vou querer ser vítima do doidão.

A segunda boa idéia é liberar o plantio particular. Cada doidão vai ter sua roça de maconha, espero que orgânica, já que maconheiro que se preza tá ligado no malefício das indústrias de agrotóxicos.

A terceira idéia genial é estimular a formação de cooperativas. Segundo ele, por esta forma poderiam abaixar o custo de produção e dificultar a vida dos traficantes. Imagina, talvez, que nessa a agricultura familiar poderia ser uma grande parceira e enfim viabilizar os assentamentos do MST. Dois coelhos de uma tragada só.

Que tal? Agora, me responde. Quantos anos de cadeia merece este meliante?

2 comentários:

  1. Não merece nenhum ano de cadeia, pois apenas expôs suao opinião sem medo, opinião que aliás é semelhante a de muitos países desenvolvidos como Espanha, Holanda, Inglaterra, República Tcheca, Portugal..

    ResponderExcluir
  2. Por expressar a opinião talvez não mereça (por mais q seja uma opinião idiota como essas), mas por pensar em algo tão ilógico com certeza dezenas... Só faltava a pessoa p/ comprar sementes nos centros especializados ter uma seção de maconha... Ou ainda nos centros de pesquisa e universidades agrícolas ter uma disciplina voltada para o cultivo da canabis...Piada... Sem contar que, como bem disse o blogueiro... Se o da Souza Cruz já torna um ambiente insuportável, imagina só o famoso cigarrinho do capeta! Já estou quase acreditando no que dizia minha avó nos longiquos anos de sanidade... "É o fim dos tempos mesmo".

    ResponderExcluir