segunda-feira, 12 de novembro de 2012

Sim. Há Juízes!.

Terminou hoje, para o núcelo politico, o julgamento do mensalão, como ficou conhecido o maior escândalo da república brasileira - a compra em dinheiro de apoio político no Congresso Nacional.

Durante muito tempo se especulou a respeito. Tentativas de protelação legítimas e outras nem tanto foram executadas. Alguns até achavam que por terem sido nomeados pelo Presidente Lula e pela Presidente Dilma certos ministros votariam conforme o interesse do palácio. Outros tinham certeza, mas foram surpreendidos pela altivez do STF. Sim. Ainda há juízes.

Aqui e ali se ouvem algumas vozes inconformadas. Dos condenados, o compreensível erperneio, de outros um pedido de igualdade de tratamento em relação ao mensalão mineiro. Da população, felizmente, apoio e esperança de que o país tenha dado um passo objetivo na punição de gente que se considera livre para delinquir, para manipular, para afrontar, para subornar pessoas e instituições apodrecendo a democracia.

E tudo isso sem que Marcos Valério tenha dito vinténs de tudo o que sabe. Torçamos para que fale e ilumine todos os casos escabrosos em que se envolveu. Doa a quem doer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário